Google+ Ex-vice de Aécio Neves é procurado pela Polícia

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Ex-vice de Aécio Neves é procurado pela Polícia

Comentar a postagem
Ex-vice de Aécio Neves é procurado pela Polícia
O ex-senador Clesio Andrade, ex-vice governador de Aécio Neves (PSDB), é procurado pela Polícia Civil do DF para cumprir mandato de condução coercitiva – quando a pessoa é detida para prestar depoimento.

O motivo é a Operação São Cristóvão, comandada pela Polícia Civil do Distrito Federal.

É investigado por desvio de mais de R$ 20 milhões da União repassados ao Sest/Senat entre 2011 e 2012 para a realização de cursos profissionalizantes.

A Polícia Civil pede a prisão temporária do ex-senador.

Andrade é réu no mensalão tucano, de 1998. Filiado ao PFL, foi escolhido por Aécio para ser seu vice-governador, exercendo o mandato de 2003 a 2007.

Com o escândalo do mensalão em 2005, submergiu para suplência de senador nas eleições de 2006 na chapa composta por Aécio candidatando-se à reeleição e com Eliseu Resende (PFL) candidatando-se ao senado. Com a morte de Eliseu, Clesio Andrade assumiu a cadeira no senado, renunciando recentemente quando ia ser julgado no STF pelo mensalão tucano. Com a renúncia seus advogados pediram para o processo sair do STF e voltar para a primeira instância em Minas Gerais, e conseguiram evitando a condenação definitiva.

A amizade e compadrio político com Aécio levou o então governador tucano a nomear a mulher de Clésio para o Tribunal de Contas do Estado de Minas, órgão responsável por aprovar as contas de Aécio e do próprio marido no primeiro mandato.

Um comentário:

Anônimo disse...

Jamais voltaria em uma pessoa que nao tem conciencia das desordes e miserias que estamos passando por causa de drogas , ele querendo destruir o brasil mais do que esta? Liberando as drogas voces sabiam disso quem sabe porque em? srá que ele esta planejando que será que ele estaria planejando em? que será o Brasil cuidado pode ficar pior do que esta entao se ficar o bicho come se correr o bicho pega é melhor , nesse caso é melhor a Dilma

Postar um comentário