Google+ Padre João abre fogo contra Aécio Neves por querer amordaçar a internet

quinta-feira, 20 de março de 2014

Padre João abre fogo contra Aécio Neves por querer amordaçar a internet

Comentar a postagem
 Padre João abre fogo contra Aécio Neves por querer amordaçar a internet
Comentar a postagem
O deputado Padre João (PT-MG) terminou seu pronunciamento na Câmara nesta quarta-feira denunciando a censura brava que ocorre em Minas e que não foi tentada na internet:
O deputado Padre João (PT-MG) terminou seu pronunciamento na Câmara nesta quarta-feira denunciando a censura brava que ocorre em Minas e que não foi tentada na internet:
Neste último minuto, Sr. Presidente, eu queria trazer uma situação: um candidato ou pré-candidato à Presidência da República, no caso, o Senador Aécio Neves, quer colocar uma mordaça no Google e na Internet como um todo, não bastasse a mordaça que coloca na imprensa mineira, que não publica uma palavra, uma linha que o desagrade ou ao Governo de Anastasia .
.
Ele quer, como pré-candidato, repito, colocar a mordaça no Google, na Internet como um todo, proibindo consultas em seu nome. Isso é um absurdo!
.
Ele, com essa postura, externa para o Brasil e para o mundo a figura autoritária que é, porque, em Minas, o único jornalista que publicava alguma coisa nesse sentido está preso; está preso há mais de 2 meses. Preso! Não tem um inquérito, não tem nada, por quê? Grande parte do Ministério Público e do TJ, que sempre foi submisso ao Governo, e a própria mídia — o jornal Estado de Minas, Hoje em Dia, O Tempo — estão a serviço do Governo.
.
Então, é uma vergonha! E, agora, já como pré-candidato ele quer também colocar essa mordaça no próprio Google. Imagina o que esse cara não seria capaz de fazer enquanto Presidente? Ainda bem que o povo brasileiro sabe.
Antes disso, Padre João agradeceu e reconheceu os esforços do Ministério da Previdência ao editar portaria que resolveu uma luta que ele travava junto a pescadores artesanais, que tinham dificuldade para conseguir uma declaração de que usavam uma embarcação miúda para ter direito a benefícios, já que em Minas só havia um posto da Marinha em todo estado para emitir este documento.

Um comentário:

Anônimo disse...

Parabéns pelo blog.... vou divulgar para que o maior número de pessoas possam ver....

Postar um comentário